quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Preço máximo de venda dos combustíveis atualizado nos Açores

As alterações registadas no preço do petróleo durante as últimas semanas nos mercados internacionais vão levar a uma atualização do preço máximo de venda dos combustíveis na Região Autónoma dos Açores.
Esta atualização consiste na descida em três cêntimos por litro no preço máximo das gasolinas e do gasóleo rodoviário, dois cêntimos por litro no preço dos gasóleos agrícola e pescas e um cêntimo por quilograma no preço do fuelóleo.

A gasolina de 95 octanas passa a ter um preço de 1,42 euros por litro, enquanto o litro da gasolina de 98 octanas passa a custar 1,49 euros.

O gasóleo rodoviário passa a custar 1,26 euros por litro, o gasóleo agrícola terá um preço de 0,82 euros por litro e o gasóleo pescas de 0,63 euros por litro.

O fuelóleo passa a custar 0,62 euros por quilograma.

Os novos preços entram em vigor às 00h00 desta sexta-feira, 1 de novembro.



GaCS

Prémio à primeira instalação de jovens agricultores vai duplicar nos Açores, anunciou Luís Neto Viveiros

O Secretário Regional dos Recursos Naturais anunciou hoje, em Ponta Delgada, que o Governo dos Açores vai duplicar o Prémio à Primeira Instalação de Jovens Agricultores na Região, que passa de 35 mil para 70 mil euros.

“Esse montante vai ser regulamentado” tendo em vista uma "adaptação correta" à Região dos apoios comunitários previstos, disse Luís Neto Viveiros, em declarações aos jornalistas à margem de uma reunião de trabalho com a Associação dos Jovens Agricultores Micaelenses.

Neto Viveiros disse que a Região está “a desenhar as medidas que vigorarão no novo Quadro Comunitário de Apoio (QCA)”, entre 2014-2020, destacando a obtenção “da [mesma] verba atribuída aos Açores” atualmente, num “clima de recessão em toda a Europa”.

Questionado sobre candidaturas ainda em análise, o Secretário Regional considerou que “é normal” em todos os períodos de transição entre quadros comunitários de apoio.

“Resulta, e ainda bem que assim é, de um volume de investimentos muito elevado, que carateriza a dinâmica da agricultura e, em concreto, dos jovens”, frisou, revelando que se está a equacionar “com a reprogramação de algumas verbas deste QCA ainda se poder contemplar um número significativo de projetos”.

Segundo Neto Viveiros, não só para a primeira instalação de jovens agricultores, “mas também nas reformas antecipadas”, uma vez que esta última medida, por decisão europeia, não vai ser aplicada no próximo QCA.

“Estamos a fazer um esforço grande para podermos enquadrar, não só os projetos dos jovens agricultores, como também os que estão associados às reformas antecipadas, cerca de 40”, afirmou.

Anexos:
2013.10.31-SRRN-QCA.MP3

GaCS

Luis Neto Viveiros afirma que reprogramação de verbas do POSEI só é feita no final do ano

O Secretário Regional dos Recursos Naturais afirmou que o pagamento de mais de nove milhões de euros feito hoje aos produtores de leite dos Açores corresponde à antecipação em 50% do Prémio aos Produtos Lácteos previsto no POSEI, acrescentando que, tendo as candidaturas superado o envelope financeiro disponível para este apoio comunitário, foram feitos ajustamentos que poderão ser compensados no final do ano, aquando da avaliação da aplicação de medidas.

“Não houve um corte na verdadeira aceção da palavra, aquilo que houve foi um ajustamento no pagamento da primeira tranche do Prémio aos Produtos Lácteos, no valor de cerca de nove milhões de euros, hoje pagos aos agricultores”, frisou Luís Neto Viveiros, em declarações aos jornalistas em Ponta Delgada.

O Secretário Regional, que falava à margem de uma reunião de trabalho com a Direção da Associação de Jovens Agricultores Micaelenses, salientou que “faz parte das regras de atribuição dos fundos comunitários que, quando as candidaturas são superiores às verbas disponíveis para cada um dos prémios, se façam ajustamentos”.

Neto Viveiros adiantou ainda que a restante tranche deste apoio aos produtores de leite “será paga até ao final do ano”, altura em que se faz o balanço da utilização das verbas afetas a cada medida inscrita no POSEI e em que se pode “ver até que ponto é possível repor algum montante financeiro para o prémio de que estamos a falar”.

Anexos:
2013.10.31-SRRN-POSEI(2).MP3

GaCS

Apoio às IPSS não será reduzido, reafirma Piedade Lalanda

A Secretária Regional da Solidariedade Social reafirmou hoje, na Praia da Vitória, que os apoios às Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) dos Açores não vão ser reduzidos.

Piedade Lalanda, que falava no final de uma visita ao Lar de Idosos e Centro de Dia de São Brás, frisou que, “antes pelo contrário”, o montante global dos apoios vai ser reforçado pelo Governo dos Açores.

A Secretária Regional acrescentou que o novo modelo de financiamento das IPSS, “considerando os serviços prestados aos utentes”, pretende valorizar “a qualidade do serviço prestado, a humanidade no atendimento aos idosos e a capacidade de estimular as suas capacidades”.

Na ocasião, sublinhou que o Lar e Centro de Dia que visitou é um exemplo dessas boas práticas, considerando ser notório que os idosos ali se sentem “felizes, tranquilos e têm belíssimas condições”.

O Lar de Idosos e Centro de Dia de São Brás foi inaugurado há cerca de um ano e dá apoio a utentes da localidade e de freguesias vizinhas.

Anexos:
2013.10.31-SRSS-LarSãoBrás.mp3

GaCS

Agenda do Governo Regional dos Açores para 1 e 2 de novembro

SEXTA-FEIRA, DIA 1:

ATIVIDADES DO PRESIDENTE DO GOVERNO:

10H00 – O Presidente do Governo, Vasco Cordeiro, faz uma declaração à Comunicação Social.

Local: Sala de Imprensa do Palácio da Conceição, em Ponta Delgada.

ATIVIDADES DOS OUTROS MEMBROS DO GOVERNO:

10H30 – O Secretário Regional da Educação, Ciência e Cultura, Luiz Fagundes Duarte, é ouvido pela Comissão Permanente dos Assuntos Sociais da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.

Local: Delegação da ALRAA, em Angra do Heroísmo.

12H00 - O Secretário Regional da Saúde, Luís Cabral, acompanha o exercício Cachalote 13, organizado pela Zona Militar dos Açores.

Local: Complexo Desportivo João Paulo II, em Angra do Heroísmo.

SÁBADO, DIA 2:

ATIVIDADES DOS MEMBROS DO GOVERNO:

13H00 - A Secretária Regional da Solidariedade Social, Piedade Lalanda, preside à cerimónia de assinatura de um protocolo de cooperação com a Associação de Seniores de São Miguel para cedência de espaço.

Local: Hotel Marina Atlântico, em Ponta Delgada.

OUTROS AGENDAMENTOS:

- O Diretor Regional das Comunidades, Paulo Teves, termina a sua visita às comunidades açorianas residentes no Estado da Califórnia, Estados Unidos da América, cumprindo o seguinte programa:

15H30 - Participação no fórum Civic Participation and Book Presentation: California's Portuguese Politicians.

Local: Sheraton Hotel and Marina, Shutters Room, em San Diego.

18H30 - Participação na gala comemorativa do 22.º aniversário da The Portuguese-American Leadership Council of the United States - PALCUS.

Local: Sheraton Hotel and Marina, Fairbanks Ballroom, em San Diego.

NOTA: indica-se a hora local, menos seis do que nos Açores. 



GaCS

Agenda do Governo Regional dos Açores para 1 e 2 de novembro

SEXTA-FEIRA, DIA 1:

ATIVIDADES DO PRESIDENTE DO GOVERNO:

10H00 – O Presidente do Governo, Vasco Cordeiro, faz uma declaração à Comunicação Social.

Local: Sala de Imprensa do Palácio da Conceição, em Ponta Delgada.

ATIVIDADES DOS OUTROS MEMBROS DO GOVERNO:

10H30 – O Secretário Regional da Educação, Ciência e Cultura, Luiz Fagundes Duarte, é ouvido pela Comissão Permanente dos Assuntos Sociais da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.

Local: Delegação da ALRAA, em Angra do Heroísmo.

12H00 - O Secretário Regional da Saúde, Luís Cabral, acompanha o exercício Cachalote 13, organizado pela Zona Militar dos Açores.

Local: Complexo Desportivo João Paulo II, em Angra do Heroísmo.

SÁBADO, DIA 2:

ATIVIDADES DOS MEMBROS DO GOVERNO:

13H00 - A Secretária Regional da Solidariedade Social, Piedade Lalanda, preside à cerimónia de assinatura de um protocolo de cooperação com a Associação de Seniores de São Miguel para cedência de espaço.

Local: Hotel Marina Atlântico, em Ponta Delgada.

OUTROS AGENDAMENTOS:

- O Diretor Regional das Comunidades, Paulo Teves, termina a sua visita às comunidades açorianas residentes no Estado da Califórnia, Estados Unidos da América, cumprindo o seguinte programa:

15H30 - Participação no fórum Civic Participation and Book Presentation: California's Portuguese Politicians.

Local: Sheraton Hotel and Marina, Shutters Room, em San Diego.

18H30 - Participação na gala comemorativa do 22.º aniversário da The Portuguese-American Leadership Council of the United States - PALCUS.

Local: Sheraton Hotel and Marina, Fairbanks Ballroom, em San Diego.

NOTA: indica-se a hora local, menos seis do que nos Açores. 



GaCS

Regulamento Geral de Bolsas de Investigação Científica foi hoje publicado em Jornal Oficial

O Governo dos Açores publicou hoje, em Jornal Oficial, o novo Regulamento Geral de Bolsas de Investigação Científica e de Apoio à Gestão do Fundo Regional para a Ciência, documento que disciplina o processo de seleção, contratação e regime jurídico aplicável a todos os bolseiros.

Este regulamento, que entra em vigor sexta-feira e foi aprovado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia, mantém ainda em vigor os normativos relativos aos contratos celebrados ao abrigo dos despachos de 2001 e 2007, garantindo assim a necessária estabilidade aos atuais bolseiros.

As bolsas atribuídas pelo Fundo Regional para a Ciência, no âmbito do sistema de incentivos Pro-Scientia, destinam-se “ao desenvolvimento de projetos pessoais de investigação científica e desenvolvimento tecnológico, formação conexa com essas áreas ou atividades associadas”.

O novo regulamento estabelece oito tipos de bolsas, cuja duração varia, de acordo com a tipologia, entre os três meses e os seis anos.

Os apoios agora consignados destinam-se a cientista convidado, pós-doutoramento, doutoramento, investigação, integração na investigação, gestão de ciência e tecnologia, técnico de investigação e de curta duração.

O despacho normativo hoje publicado contempla ainda, à semelhança do anterior, a possibilidade de serem atribuídas bolsas para desenvolvimento de projetos de investigação em contexto empresarial, “visando temas de relevância para a Região, nomeadamente no âmbito de protocolos estabelecidos com uma instituição científica ou tecnológica, nacional ou estrangeira”.

O Governo dos Açores pretende incrementar o número de bolsas atribuídas nesta área, em consonância com as linhas orientadores da Estratégia 2020.

O novo regulamento passa igualmente a prever a suspensão das atividades da bolsa durante o período de licença parental, adoção ou doença, mantendo os bolseiros o direito ao pagamento integral do subsídio periódico de manutenção.

Por outro lado,  a concessão das bolsas “não gera, nem titula relações de trabalho subordinado, nem contratos de prestação de serviços, não adquirindo o bolseiro, em qualquer caso, a qualidade de trabalhador em funções públicas”, de acordo com o articulado do novo regulamento.



GaCS

Sérgio Ávila diz que apoio à instalação de painéis solares resulta da lei que já permitiu apoiar mais de 850 empresas açorianas

O Vice-Presidente do Governo dos Açores assegurou hoje que “não há qualquer encargo para a Região” resultante da instalação de painéis solares em edifícios públicos do arquipélago.

Sérgio Ávila sublinhou que, “pelo contrário, a Região recebe a receita correspondente a uma percentagem da energia produzida” e que, nessa medida, o Governo dos Açores está interessado em "incentivar qualquer iniciativa privada no sentido de, nos mesmos termos, virem a ser instalados equipamentos semelhantes”.

Para o Vice-Presidente, que falava à margem do encontro que teve com a Presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, Ana Luís, para entrega das propostas de Orçamento da Região Autónoma dos Açores e do Plano Anual para 2014, o que, sobre esse assunto, tem sido afirmado pelo líder do maior partido da oposição, só deturpa a verdade e gera confusão.

Sérgio Ávila frisou que o apoio concedido à empresa que se candidatou à instalação dos painéis é, “de acordo com as regras que foram aprovadas pela generalidade dos partidos na Assembleia Regional, o apoio ao investimento que todas as empresas têm”.

“Mais de 850 empresas já tiveram apoios ao investimento nos exatos termos do diploma que foi aprovado na Assembleia”, afirmou, acrescentando que “o Governo limitou-se a cumprir a legislação, em igualdade de circunstâncias e ao cêntimo com qualquer outra empresa que concorrer”.

Por isso, Sérgio Ávila considerou “perfeitamente lamentáveis” as declarações do líder do maior partido da oposição, reiterando que “o Governo apoiou esse investimento da mesma forma que tem apoiado outros investimentos na área das renováveis ou outros investimentos privados”.

“Esse apoio é dado em função do investimento efetuado, de acordo com a legislação em vigor e no âmbito dos sistemas de incentivos aprovados pela Assembleia”, reafirmou, lembrando que, “como este, houve centenas de outros, e o apoio concedido foi o que a lei define, ao cêntimo, sem qualquer valor variável”, na globalidade desses sistemas.

“Não quero acreditar que a preocupação do deputado Duarte Freitas seja com a empresa que, por aumento da produção de energia elétrica por energia renovável, vai diminuir a venda de fuel à EDA, ou que esteja contra o aumento de produção de eletricidade pela utilização de renováveis”, concluiu Sérgio Ávila.

Anexos:
2013.10.31-VPGR-ReageAcusaçõesDuarteFreitas.mp3

GaCS

Açores mantêm nível de investimento público em 2014, apesar da redução das transferências diretas do Estado, garante Sérgio Ávila

O Vice-Presidente do Governo anunciou hoje, na Horta, que os Açores vão manter no próximo ano o mesmo nível de investimento público de 2013, apesar das transferências diretas do Orçamento de Estado em 2014 decrescerem 68 milhões de euros.

Face à conjuntura nacional e internacional, a manutenção do investimento público ao nível do ano anterior “é uma excelente notícia para os açorianos”, disse Sérgio Ávila, no final de um encontro com a Presidente da Assembleia Legislativa, Ana Luís, a quem entregou as propostas de Plano e de Orçamento da Região para 2014.

Para o Vice-Presidente do Governo, estes documentos, que serão debatidos pela Assembleia Legislativa na última semana de novembro, dão “um sinal de confiança e de estabilidade” aos investidores e à iniciativa privada, pois garantem a manutenção do investimento público, que até terá um ligeiro aumento de três milhões de euros em relação a 2013.

Em termos de prioridades, Sérgio Ávila destacou todas aquelas que “assentam no apoio à atividade empresarial, ao investimento privado e aos setores produtivos da economia, como o turismo, a agricultura, os transportes, a energia e as infraestruturas tecnológicas”.

Por outro lado, o Plano reflete também “um particular aumento” de verbas destinadas às áreas das políticas de emprego e dos setores do apoio social e da habitação, nomeadamente da habitação degradada.

Quanto ao Orçamento Regional para 2014, o Vice-Presidente sublinhou que os Açores, apesar da redução das transferências do Estado no próximo ano, conseguem assegurar “um aumento significativo das receitas próprias da Região – logo, do aumento da nossa autonomia financeira e da redução da nossa dependência exterior –, como conseguimos manter e até aumentar a própria receita efetiva da Região”.

Questionado pelos jornalistas sobre a disponibilidade do Governo para aceitar propostas de alteração aos documentos, Sérgio Ávila afirmou que o Executivo está sempre disponível “para estudar todas as propostas que sejam credíveis, que sejam rigorosas e que assegurem a concretização dos princípios que estão definidos neste Orçamento e neste Plano”, como sejam “um reforço claro do apoio” à iniciativa privada, à economia e apoios sociais.

“Desde que seja para cumprir estes objetivos, mantendo o equilíbrio orçamental que este Orçamento tem, nós estamos disponíveis para analisar, como sempre o fizemos, todas as propostas de todos os partidos”, frisou.

A proposta de Orçamento Regional para 2014 atinge o valor de 1.116,6 milhões de euros, enquanto a proposta de Plano Anual contempla investimentos de 656,3 milhões de euros, dos quais 428,3 milhões de euros serão diretamente financiados pela Região.

Anexos:


GaCS

Candidaturas ao programa “Bento de Góis” abertas até 30 de novembro

As candidaturas ao programa “Bento de Góis”, uma iniciativa do Governo dos Açores na área da juventude, estão abertas até 30 de novembro para projetos que se realizem no primeiro semestre de 2014.

O “Bento de Góis”, que é gerido pela Direção Regional da Juventude, visa promover a mobilidade regional, nacional e internacional dos jovens residentes nos Açores enquanto experiência estimulante, enriquecedora e estruturante do sentido da identidade açoriana e da cidadania europeia.

O programa desenvolve as ações no âmbito da mobilidade nos Açores e em todo o território nacional, no intercâmbio nos Açores e na mobilidade internacional, destinando-se a jovens residentes nos Açores com idades compreendidas entre os 12 e os 26 anos de idade, inclusive, à data de início de realização do projeto.

Podem apresentar candidaturas ao “Bento de Góis” as associações inscritas no Registo Açoriano de Associações Juvenis, grupos informais de jovens, jovens em nome individual, estabelecimentos de ensino básico, secundário e profissional, associações privadas sem fins lucrativos que desenvolvam atividades destinadas a jovens e cooperativas que desenvolvam atividades na área do apoio social aos jovens

Também se podem candidatar aos apoios outras entidades, sem fins lucrativos, que desenvolvam ações consideradas adequadas à promoção das ações previstas no programa.

As candidaturas podem ser submetidas através do endereço eletrónico http://bentodegois.drj.azores.gov.pt/.



GaCS

Proteção Civil alerta para agravamento do estado do tempo em todo o arquipélago dos Açores

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) informou que, de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), uma superfície frontal fria com ondulações, deslocamento para nordeste e atividade moderada a forte, associada a uma depressão centrada a nordeste do arquipélago dos Açores, vai provocar um agravamento do estado do tempo.

Assim, emite-se:

PARA O GRUPO OCIDENTAL

Aviso AMARELO referente a:
PRECIPITAÇÃO
No período entre as 21UTC de 31-10-2013 e as 12UTC de 01-11-2013.

PARA O GRUPO CENTRAL

Aviso AMARELO referente a:
PRECIPITAÇÃO
No período entre as 06UTC de 01-11-2013 e as 21UTC de 01-11-2013.

PARA O GRUPO ORIENTAL

Aviso AMARELO referente a:
PRECIPITAÇÃO
No período entre as 18UTC de 01-11-2013 e as 06UTC de 02-11-2013.

O SRPCBA recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, pelo que, em particular nas zonas mais vulneráveis, recomenda-se a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações, nomeadamente:

Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas e a retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento.

Não despejar lixo ou entulho nas ribeiras, nem as obstruir com troncos ou ramadas.

Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo cuidado com a possível formação de lençóis de água nas vias.

Estar atento às informações e indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.



GaCS

Laboratório Regional de Engenharia Civil promove curso sobre “A Metrologia e a sua aplicação nas Empresas”

O Laboratório Regional de Engenharia Civil (LREC) vai realizar um curso de formação sobre “A Metrologia e a sua aplicação nas Empresas”, destinado a diretores da qualidade, técnicos laboratoriais ou pessoas com função de controlo da qualidade, gestores industriais ou outros gestores responsáveis por processos que incorporem equipamentos de medição específicos.

Pretende-se com esta iniciativa que os formandos fiquem habilitados a gerir eficazmente equipamentos de monitorização e medição e a interpretar corretamente um certificado de calibração.

Este curso visa ainda dotar os formandos com competências para definir critérios de aceitação para os equipamentos de medição e monitorização (EMM), fazer a aceitação do equipamento após calibração e calcular a periodicidade de calibração.

A Metrologia é a ciência das medições, abrangendo todos os aspetos teóricos e práticos que asseguram a precisão exigida no processo produtivo, procurando garantir a qualidade de produtos e serviços através da calibração de instrumentos de medição, sejam eles analógicos ou eletrónicos (digitais), e da realização de ensaios, sendo a base fundamental para a competitividade das empresas.

Esta ação de formação vai decorrer entre os dias 4 e 6 de novembro, no Laboratório Regional de Engenharia Civil, em Ponta Delgada, devendo os interessados consultar o site do LREC na Internet e preencher a ficha de inscrição disponível online.


GaCS

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Agenda do Governo Regional dos Açores para 31 de outubro e 1 de novembro

QUINTA-FEIRA, DIA 31:

ATIVIDADES DOS MEMBROS DO GOVERNO:

10H30 - O Vice-Presidente do Governo Regional, Sérgio Ávila, entrega à Presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, Ana Luís, a proposta de Plano Anual e Orçamento da Região para 2014.

Local: sede da ALRAA, na Horta.

14H30 - A Secretária Regional da Solidariedade Social, Piedade Lalanda, visita o Centro Comunitário de São Brás, na ilha Terceira.

Local: largo da Igreja Paroquial de São Brás, no Concelho da Praia da Vitória.

OUTROS AGENDAMENTOS:

21H00 - O Diretor Regional da Cultura, Nuno Lopes, assiste ao concerto da Orquestra de Sopros da Ilha Terceira, no âmbito do intercâmbio com a orquestra alemã Blaswerk Leipzig.

Local: Centro Cultural e de Congressos de Angra do Heroísmo.

- O Diretor Regional das Comunidades, Paulo Teves, prossegue a visita às comunidades açorianas residentes no Estado da Califórnia, Estados Unidos da América, cumprindo o seguinte programa:

15H00 - Reunião com as organizações portuguesas de Chino.

Local: Chino D.E.S Portuguese Hall, 5216 Riverside Drive.

17H00 - Reunião com as organizações portuguesas de Artesia.

Local: Artesia D.E.S. Hall, 11903 East Ashworth Street.

NOTA: indica-se a hora local, menos seis do que nos Açores.

SEXTA-FEIRA, DIA 1:

12H00 - O Secretário Regional da Saúde, Luís Cabral, acompanha o exercício Cachalote 13, organizado pela Zona Militar dos Açores.

Local: Complexo Desportivo João Paulo II, em Angra do Heroísmo.



GaCS

Museu Francisco de Lacerda apresenta exposição de pintura "Sem Títulos"

A Direção Regional da Cultura, através do Museu Francisco de Lacerda, em São Jorge, inaugura sexta-feira a exposição de pintura “Sem Títulos”, com trabalhos do artista plástico Manuel de Meneses Martins.

Manuel de Meneses Martins, que nasceu na freguesia da Agualva, na ilha Terceira, foi cofundador da Galeria de Arte Degrau e é também autor de trabalhos de artesanato e de gravação em vidro e vitral, tendo participado em várias exposições.

Este artista plástico açoriano fez também cinema amador, tendo participado no Toronto Super 8 Film Festival, em 1981, com um documentário sobre o Carnaval na Terceira. 

Em 1987, organizou o I Encontro de Artesãos na Praia da Vitória, reunindo vários artesãos de diversas ilhas.

Atualmente, Manuel de Meneses Martins é ilustrador na Base das Lajes, onde trabalha desde 1972.

A exposição de obras da sua autoria estará patente no Museu Francisco de Lacerda até 15 de dezembro.



GaCS

terça-feira, 29 de outubro de 2013

Agenda do Governo Regional dos Açores para 30 e 31 de outubro

QUARTA-FEIRA, DIA 30:

ATIVIDADES DO PRESIDENTE DO GOVERNO:

11H30 - O Presidente do Governo, Vasco Cordeiro, preside à reunião do Conselho do Governo.

Local: Palácio da Conceição, em Ponta Delgada.

OUTROS AGENDAMENTOS:

09H00 - A Diretora Regional da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Fátima Amorim, participa no seminário sobre Programa de Desenvolvimento Rural 2014-2020 - consulta alargada.

Local: auditório principal do Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária - INIAV, em Oeiras.

NOTA: indica-se a hora do Continente.

- O Diretor Regional das Comunidades, Paulo Teves, inicia uma visita às comunidades açorianas residentes no Estado da Califórnia, Estados Unidos da América, cumprindo o seguinte programa:

18H15 - Reunião com as organizações portuguesas de Tulare.

Local: Tulare Angrense Athletic Club, 1521 E. Bradsley Ave.

NOTA: indica-se a hora local, menos seis do que nos Açores.

QUINTA-FEIRA, DIA 31:

ATIVIDADES DOS MEMBROS DO GOVERNO:

10H30 – O Vice-Presidente do Governo Regional, Sérgio Ávila, entrega à Presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, Ana Luís, a proposta de Plano Anual e Orçamento da Região para 2014.

Local: sede da ALRAA, na Horta.

14H30 - A Secretária Regional da Solidariedade Social, Piedade Lalanda, visita o Centro Comunitário de São Brás, na ilha Terceira.

Local: largo da Igreja Paroquial de São Brás, no Concelho da Praia da Vitória.

OUTROS AGENDAMENTOS:

- O Diretor Regional das Comunidades, Paulo Teves, prossegue a visita às comunidades açorianas residentes no Estado da Califórnia, Estados Unidos da América, cumprindo o seguinte programa:

15H00 - Reunião com as organizações portuguesas de Chino.

Local: Chino D.E.S Portuguese Hall, 5216 Riverside Drive.

17H00 - Reunião com as organizações portuguesas de Artesia.

Local: Artesia D.E.S. Hall, 11903 East Ashworth Street.

NOTA: indica-se a hora local, menos seis do que nos Açores. 


GaCS

Rede Hidrometeorológica dos Açores, hoje galardoada com o "Green Project Awards Portugal", será alargada a todo o arquipélago

O Diretor Regional do Ambiente anunciou hoje que o Governo dos Açores vai alargar, no próximo ano, a Rede Hidrometeorológica a todo o arquipélago, com a instalação de mais 40 estações hidrometeorológicas automáticas.
A Rede Hidrometeorológica dos Açores visa a monitorização do ciclo hidrológico na Região através de estações automáticas com teletransmissão de dados em tempo real e com disponibilização em plataforma on-line.
“Permite-nos, desta forma, dispor de mais e melhor informação para o planeamento e gestão eficaz dos recursos hídricos, além de ser um importante instrumento de auxílio ao ordenamento do território e ao planeamento civil de emergência”, afirmou Hernâni Jorge.
A atribuição do prémio "Green Project Awards Portugal", na categoria Information Technology, ao projeto da Rede Hidrometeorológica dos Açores, é, segundo o Diretor Regional do Ambiente, o reconhecimento da inovação e da “qualidade do trabalho que o Governo dos Açores desenvolve ao nível da gestão e do planeamento dos recursos naturais”.
Hernâni Jorge considerou ainda que a entrega deste galardão e de duas menções honrosas a projetos dos Açores, atribui projeção "nacional e internacional" ao trabalho que é realizado na região.
Os prémios foram hoje anunciados numa cerimónia realizada em Lisboa, durante um debate sobre o tema “Mobilizar Portugal para a Economia Verde”. 
Hernâni Jorge destacou que o projeto do Governo dos Açores, gerido pela Secretaria Regional dos Recursos Naturais, através da Direção Regional do Ambiente, e cujo desenvolvimento envolveu as empresas Global EDA e David Sousa Mendes, concorreu com finalistas como a Galp Energia, ou seja, com “projetos de grande qualidade.” 
A categoria Information Technology premeia projetos, produtos ou serviços que representam soluções inovadoras ao nível das tecnologias de informação ou que constituam um contributo das tecnologias de informação para o desenvolvimento sustentável do país.

GaCS

Museu de Angra do Heroísmo expõe "Património Mundial: do Mundo a Angra do Heroísmo"

A Direção Regional da Cultura, através do Museu de Angra do Heroísmo, inaugura sábado a exposição “Património Mundial: do Mundo a Angra do Heroísmo”, que propõe uma reflexão sobre os temas da herança, da pertença e da identidade.

Este evento, que será inaugurado às 15h00, na Sala do Capítulo, ocorre a propósito do 40.º aniversário da Convenção do Património Mundial (1972-2012) e do 30.º aniversário da inclusão do Centro Histórico de Angra do Heroísmo na lista do Património Mundial classificado pela UNESCO (1983-2013).

A exposição assenta em duas projeções dinâmicas de grande dimensão, colocando frente a frente o conjunto dos 988 bens culturais e naturais atualmente inscritos na lista da UNESCO e os que, como Angra do Heroísmo, integram a rede de sítios cujo significado é relevante para compreender a cidade e a sua classificação.

Paralelamente serão explicados, de forma pedagógica, o que é a UNESCO, a Convenção do Património Mundial e a Lista anexa, bem como o conjunto de acordos e convenções internacionais relacionados com a proteção do Património da Humanidade.

Com esta iniciativa, pretende-se exaltar as vantagens de se pertencer a uma comunidade internacional que aprecia e protege os bens de importância universal constituídos numa lista de exemplos excecionais de diversidade cultural e natural.

Álvaro Monjardino e Reis Leite vão proferir intervenções versando os aspetos mais relevantes da conjuntura nacional e regional que envolveu a apresentação da proposta de candidatura da zona central de Angra do Heroísmo à Lista do Património Mundial e a gestão política e patrimonial decorrente dessa classificação.

A Convenção do Património Mundial e a Lista do Património Mundial a ela anexa constituem o maior êxito da UNESCO entre todas as convenções internacionais propostas por esta instituição, pelo número de países signatários, pela abrangência e número dos bens inscritos e pelo impacto gerado na cultura, no turismo, na economia e na identidade das comunidades envolvidas.



GaCS